O Inbound Marketing, também conhecido como Marketing de Atração, é um conjunto de estratégias de publicidade online na qual um profissional ou uma empresa se promove através de blogs, podcasts, vídeos, e-books, newsletters, Squeeze Pages, whitepapers, artigos, SEO, redes sociais, sites e outras formas de Marketing de Conteúdo.

Explicarei através de vários artigos sobre como cada uma das estratégias pode te ajudar. Nesse segundo artigo, abordarei sobre as redes sociais.

Confira oito estratégias eficazes para promover a sua marca na Internet:

A rede social é uma estrutura composta por pessoas ou organizações, conectadas por um ou vários tipos de relações, que compartilham valores e objetivos comuns.

As redes sociais online podem funcionar em níveis diversos, como, por exemplo, redes de relacionamento (Facebook, Twitter, Instagram, Google+ e Youtube), redes profissionais (LinkedIn), redes comunitárias (redes sociais em bairros ou cidades), redes corporativas (redes sociais privadas apenas para funcionários de uma empresa), redes políticas, redes militares e etc.

Existem várias redes sociais e cada uma delas possui uma linguagem própria, ou seja, é regida por regras, algoritmos e bolhas de filtros diferentes.

Entender quais são os algoritmos, ou seja, o “idioma” de cada rede, ajuda a aproveitar melhor cada uma delas, atingindo o seu público, conquistando e fidelizando clientes e interagindo de forma mais assertiva com os seus stakeholders.

Primeiro é preciso conhecer a fundo como funciona as redes que você está utilizando. Entenda o comportamento das pessoas que utilizam essas redes. Observe como as outras pessoas, marcas, empresas e empreendedores se comunicam lá dentro e como atuam. Busque referências na sua área de atuação e comece a observar o conteúdo que está sendo criado e divulgado. Escreva textos impecáveis, que possuam além de conteúdo de qualidade, uma gramática correta, sem erros de digitação. Todos esses detalhes impactarão diretamente na reputação construída a respeito da sua imagem.

Conheça algumas características importantes das redes sociais mais populares:

  • Facebook: use tom leve e linguagem informal, mesmo se for falar de assuntos técnicos. Não exagere no humor e evite postar coisas muito pessoais, como fotos íntimas, com trajes inapropriados – como roupas de dormir, de banho e piscina – e situações que possam denegrir a sua imagem. Lembre-se que apesar de ser uma ferramenta de uso pessoal, colegas de trabalho, parceiros e clientes também acompanham as suas postagens.
  • Twitter: é uma ferramenta para transmitir opiniões e emoções em tempo real. Tudo o que vemos na Timeline é o que os usuários estão falando naquele exato momento. É ideal para a cobertura de eventos. As mensagens precisam ser curtas e objetivas, pois existe um limite de até 140 caracteres.
  • Instagramo foco está nas imagens e nos vídeos. Os textos precisam ser curtos, leves e mais informativos. Utilize uma linguagem informal mas sem exageros. Capriche na produção das fotos – use os filtros do próprio aplicativo para melhorar as suas imagens a aplicar efeitos diferentes.
  • Snapchatferramenta ideal para mostrar os bastidores do dia a dia dentro do seu ambiente corporativo, empresa e eventos de network. A linguagem precisa ser leve, direta e informal. Os filtros do aplicativo podem te ajudar a deixar o vídeo descontraído e atrativo para o seu público.
  • Pinterest: o foco está somente nas imagens. Capriche nas fotos e evite seriedade. Escreva um conteúdo leve e mantenha o foco na atração visual. Como os textos são mais curtos, escreva de maneira clara, objetiva, mais próxima e direta com o seu público.
  • Google+: não é uma ferramenta tão usada por possuir menos usuários e gerar menos tráfego, mas a vantagem é que as suas postagens ajudam a aparecer nas primeiras páginas do Google.
  • Periscope: é um aplicativo para transmissões ao vivo. É importante observar o ambiente e a qualidade do som. Crie conteúdos relevantes e com qualidade quando estiver ao vivo, buscando chamar a atenção para detalhes que façam a diferença na transmissão, utilizando a criatividade.
  • LinkedIn: uma rede social mais séria, voltada para profissionais. Evite postar fotos pessoais, brincadeiras, memes e piadas. Utilize uma linguagem mais formal, porém não precisa ser tão burocrática. Concentre os esforços em criar conteúdo de qualidade, como posts e artigos relacionados à sua área de atuação.
  • SlideShare: uma rede social de apresentações que pode ser muito útil para divulgar produtos e serviços. Monte um conteúdo bem técnico e explicativo, com gráficos e imagens.
  • Youtube: criar um canal ajuda a fortalecer a imagem da sua marca. Faça vídeos periodicamente (semanais, quinzenais ou mensais). Crie um título claro e conciso que não ultrapasse 100 caracteres. Inclua as principais palavras-chaves do vídeo. A duração não deve ser longa demais. Ao final do vídeo, convide os seus telespectadores para curtir e compartilhar o conteúdo e se inscrever no canal.

 

Nos próximos artigos você confere estratégias para utilizar as seguintes ferramentas: podcasts, vídeos, e-books, newsletters, Squeeze Pages e SEO. Continue acompanhando. Até lá!

 

Anúncios